Jorge Jesus ataca polícia para defender adepto


Jorge Jesus desvalorizou o incidente ocorrido no final do encontro, que envolveu adeptos encarnados e seguranças, com o técnico metido pelo meio.

“Não se passou nada. Os jogadores foram entregar as camisolas aos adeptos no final e quero agradecer o apoio que eles deram à equipa. Com a emoção da vitória entraram dentro do campo. Tentei pedir ao segurança para deixar o jovem tranquilo porque ele só veio buscar a camisola. Tomei essa decisão em defesa dos adeptos e dos jogadores do Benfica. Serei sempre o primeiro a defendê-los”, frisou Jorge Jesus em declarações à Sport TV.

Segue o vídeo: